Cae diz:
Não deu pra não reparar na puta argola de prata no seu dedo ontem.

Beltrana diz:
Pois é né cara.

Cae diz:
Posso fazer uma pergunta idiota?

Beltrana diz:
Fala aí.

Cae diz:
Vc sabe que eu gosto de vc né?

Beltrana diz:
Então…

Cae diz:
E vc sabe tb que nunca daríamos certo né?

Beltrana diz:
É mesmo né. Uma pena…

Francamente, querida, eu (já) não dou a mínima.

**********
A teoria do caos pode ser explicada numa regra simples: Se uma borboleta bate as asas no Japão, isso pode causar uma tempestade no Brasil. Por isso também é chamado de Efeito Borboleta.

Isso mesmo, igual ao filme. Nele uma pessoa consegue voltar no tempo e alterar acontecimentos, aparentemente banais, de sua infância. Mas isso acaba tendo um efeito devastador no seu futuro. Um simples desvio na linha do destino pode causar reações trágicas e desastrosas no futuro de um indivíduo, seja em um dia ou em anos depois. Causa e efeito, como diria Merovígio, em Matrix Reloaded.

Veja meu caso: uma infeliz nos fez o favor de trancar a faculdade faltando apenas 3 meses para se formar. “Já vai tarde”, falamos, pois a anta não ajudava em nada. Essa foi a causa.

O efeito: algumas semanas antes nós havíamos finalizado o nosso vídeo institucional para o TCC, contando a história do grupo, essas coisas. Tudo finalizado, gravado em DVD com capinha e o escambau. Com a saída das menina, tivemos que refazer o vídeo, de modo que teríamos que tirá-la das imagens usadas. “coisa fácil”, pensamos, pois os arquivos estão gravados na faculdade e ela nunca cometeria a filhadaputice de deletar os arquivos de um grupo prestes a finalizar o TCC, como sempre foi feito nos anos anteriores. Ledo engano.

Imagine a nossa cara de alegria quando descobrimos que nosso vídeo foi sumariamente deletado da ilha de edição. “Sabe o que que é, é que fizemos back up dos arquivos da turma do 4º ano e acabamos esquecendo de fazer o de vocês. Desculpa aí.” “Desculpa aí o caralho”, dissemos. Nos informaram que, já que tínhamos o DVD gravado, bastaria fazer a captação das imagens e alterar o que fosse preciso. “A qualidade será a mesma?”. “Claro, pode trazer”.

E trouxemos. Antes disso aproveitamos e tiramos novas fotos, todas devidamente retocadas no photoshop (trabalhão!). A coisa se resumiria então a tirar as imagens da desertora e substituir as nossas imagens antigas pelas novas.

Mas é claro, tem a teoria do caos, junta com a lei de Murphy: Se algo pode dar errado, ela dará. E deu.

A qualidade das imagens capturadas do DVD ficaram péssimas, totalmente fora do contraste de cor das novas imagens que seriam incluídas. Era nítida a diferença. O que nos obrigou a (re)agendar a ilha de edição – em tempos de final de ano é algo quase impossível – e refazer todo o vídeo, do começo ao fim.

Parece algo fácil, já que se trata de um vídeo de cerca de 1 min 30 sec. Mas levando em consideração que isso leva cerca de 4 horas pra ser finalizado, a gente ainda vai ter muita dor de cabeça.

Tudo isso porque uma pessoa resolveu desistir da faculdade.

Causa e efeito.

**********
Já tomei umas pílulas hoje. O objetivo é ficar acordadão a madrugada inteira pra jogar Metal Gear Solid 3.

Cansei dessa brincadeira de TCC. Não quero mais brincar disso. Quero minha vida de volta.

Anúncios