Sinceramente, se eu comprasse Alta Tensão antes, ele certamente entraria na lista de melhores DVDs do ano facilmente.

O filme segue a linha do quanto-mais-sangue-melhor, mas também investe – e muito – num suspense psicológico e, desculpem o trocadinho, na tensão que provoca em quem assiste, fazendo as pessoas se revirarem no sofá em certas partes do filme, tamanha é a agonia.

Essa sensação é sentida em vários bons filmes recentemente, como O Albergue, Viagem Maldita, Wolf Creek e Jogos Mortais só pra citar os que saíram nos cinemas.

Ah, e tem reviravolta no final, no melhor estilo “Jogos Mortais”, daquelas que você fica de boca aberta.

**********
O lema das festinhas de confraternização do lugar onde eu trabalhava antes é: o que acontece na festa morre na festa.

**********
Lugar comum na música
Sons de guerra:

Metallica – One (1988)

Helloween – Before the War (1999)

Vainglory – Walking the Dead (2007)

**********
Hoje descobri que nem só de Halo 3 vive a Xbox Live. É maravilhoso tirar contras em Guitar Hero 3 e Call of Duty 4 com pessoas do outro lado do mundo.

**********
Tenho uma mania. Ao ler um livro, não me controlo e vou direto na última página, ler o último parágrafo. Isso já me estragou várias surpresas, como o final de Verônica Decide Morrer (que não morre porra nenhuma) entre outros.

Aconteceu a mesma coisa nesse domingo. Ao pegar Harry Potter e as Relíquias da Morte, resolvi ler todo o último capítulo, com o sugestivo nome de “19 anos depois”. Acabei descobrindo que alguns morrem, se casam com quem você não esperava e também com quem você já sabia desde o início.

Agora falta ler o resto do livro.

**********
E o blog finalmente passou dos 5 mil acessos.

E o Kiko?

Anúncios